Aula 27 (266-273) – Modo de praticar esta devoção na santa Comunhão

Avisos importantes sobre a cerimônia de Consagração

Salve Maria! Que a paz de Deus esteja consigo!

Bem, chegamos à nossa última aula! Em primeiro lugar, devemos dar graças a Nossa Senhora por ter-nos guiado ao longo deste caminho. Talvez tenham havido momentos árduos e grandes desafios, com meditações difícieis, dúvidas e tentações; mas o importante é que você chegou até aqui, e já está preparado(a) para realizar a tão esperada Consagração! Agora, alguns avisos:

Ceremônia de Consagração

A nossa Consagração será no dia 12 de Outubro, terça-feira, Festa de Nossa Senhora Aparecida!

Em 21 cidades do Brasil, aonde existem Igrejas ou capelas dos Arautos do Evangelho realizaremos, no dia 12 de outubro, a Cerimônia de Consagração, presencialmente, durante Santas Missas celebradas pelas Arautos do Evangelho. Hoje mesmo vou enviar informações dos horários das Missas em cada uma dessas cidades. Em alguns lugares é necessário agendamento (a lista das cidades, abaixo, neste texto).

Se você tem possibilidade de se deslocar a uma dessas Igrejas ou capelas para participar presencialmente da cerimônia, recomendo que o faça. Serão cerimônias belíssimas que marcarão a sua vida.

Se você não puder estar numa cerimônia presencial, não se preocupe.
Eu celebrarei a Santa Missa principal de Consagração, que será transmitida AO VIVO, por internet, às 17h, do dia 12 de Outubro.
Será transmitida desde a Basílica Nossa Senhora do Rosário, em São Paulo.

Ative o seu lembrete para participar dessa Santa Missa neste link: https://cerimonia.arautos.org

Nessa Santa Missa, faremos juntos a nossa Consagração. Você pode acompanhar essa Santa Missa por internet, desde sua casa, em união com todos os consagrandos, espalhados pelo Brasil.
Faça o possível por ter uma perto de você uma imagem ou uma estampa de Nossa Senhora. Caso você não possa asistir no momento da transmissão, não se preocupe, a cerimônia ficará disponível e poderá vê-la mais tarde.
Independentemente de que você assista a Santa Missa por internet, e reze conosco, nesse momento a oração da Consagração, recomendamos que vá, quando possível, a uma Santa Missa presencial, e comungue, se estiver em preparado(a) para fazê-lo.

Listas das cidades onde se realizarão Missas de Consagração, presenciais

⚜️ Belo Horizonte
⚜️ Brasília
⚜️ Caieiras
⚜️ Campo Grande
⚜️ Campos dos Goytacazes
⚜️ Curitiba
⚜️ Embu das Artes
⚜️ Joinville
⚜️ Juiz de Fora
⚜️ Maringá
⚜️ Montes Claros
⚜️ Nova Friburgo
⚜️ Ponta Grossa
⚜️ Recife
⚜️ Rio de Janeiro
⚜️ Salvador
⚜️ São Carlos
⚜️ São Paulo
⚜️ Ubatuba
⚜️ Vitória
⚜️ Fortaleza
⚜️ Recife

Como aproveitar esta semana

Esta semana anterior ao dia 12 estará cheia de atividades para nós!

1.º – Assista as aulas que possa ter em atraso
2.º – Não deixe de rezar! Procure rezar, pelo menos, um terço todos os dias; melhor ainda se rezar o rosário completo.
3.º – Na próxima quinta-feira, 7 de outubro, teremos uma aula ao vivo, comigo, na qual responderei às últimas perguntas e nos prepararemos para a Cerimônia. Recomendo vivamente que participe. Em breve enviarei o link.

Pergaminho da Consagração

Para que possa rezar a oração da Consagração, no dia 12 de Outubro, durante a Santa Misa, envio este link no qual pode descarregar o pergaminho da Consagração. Não é indispensável imprimi-lo, mas se pode, faça-o, e assim, no dia 12 de outubro, poderá assiná-lo e guardá-lo como sinal deste ato de entrega: https://bit.ly/Pergaminho_Consagracao

Confissão e comunhão

Como já deve saber, é muito importante que você faça uma boa confissão antes de se consagrar a Nossa Senhora.
Se não puder se confessar, faça, pelo menos, um ato de contrição, arrependendo-se dos seus pecados, pedindo perdão a Deus, com confiança. Realize a sua consagração com confiança! É muito recomendável que, caso você tenha se confessado e esteja preparado(a), possa também comungar. Mas, se não for possível, faça uma comunhão espiritual.

Dúvidas

Lamentavelmente não pude responder a todas as mensagens de whatsapp e emails.
Mas se tiver alguma dúvida escreva-me para ✉ suporte@arautos.org

Sobretudo, NOSSO CORAÇÃO DEVE ESTAR ABRASADO DE AMOR nesse dia bendito! Talvez seja o dia mais importante de nossas vidas depois do Batismo! Estaremos unidos em oração, durante estes dias de preparação, e eu, como sempre, fico à vossa disposição.

Com minha bênção,
+ Em Jesus e Maria,
P. Ricardo Basso

Meditações e orações do dia

“Ladainha do Espirito Santo”, “Ave, Estrela do mar”

Clique no botão para ler

Senhor, tende piedade de nós.
Jesus Cristo, tende piedade de nós.
R. Senhor, tende piedade de nós.

Divino Espírito Santo, ouvi-nos.
Espírito Paráclito, atendei-nos.

Deus Pai dos céus, tende piedade de nós.
Deus Filho Redentor do mundo, tende piedade de nós.
Deus Espírito Santo, tende piedade de nós.
Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós.

Espírito da verdade, tende piedade de nós.
Espírito da sabedoria, tende piedade de nós.
Espírito da inteligência, tende piedade de nós.
Espírito da fortaleza, tende piedade de nós.
Espírito da piedade, tende piedade de nós.
Espírito do bom conselho, tende piedade de nós.
Espírito da ciência, tende piedade de nós.
Espírito do santo temor, tende piedade de nós.
Espírito da caridade, tende piedade de nós.
Espírito da alegria, tende piedade de nós.
Espírito da paz, tende piedade de nós.
Espírito das virtudes, tende piedade de nós.
Espírito de toda graça, tende piedade de nós.
Espírito da adoção dos filhos de Deus, tende piedade de nós.
Purificador das nossas almas, tende piedade de nós.
Santificador e guia da Igreja Católica, tende piedade de nós.
Distribuidor dos dons celestes, tende piedade de nós.
Conhecedor dos pensamentos e das intenções do coração, tende piedade de nós.
Doçura dos que começam a Vos servir, tende piedade de nós.
Coroa dos perfeitos, tende piedade de nós.
Alegria dos Anjos, tende piedade de nós.
Luz dos Patriarcas, tende piedade de nós.
Inspiração dos Profetas, tende piedade de nós.
Palavra e sabedoria dos Apóstolos, tende piedade de nós.
Vitória dos Mártires, tende piedade de nós.
Ciência dos Confessores, tende piedade de nós.
Pureza das Virgens, tende piedade de nós.
Unção de todos os Santos, tende piedade de nós.

Sede-nos propício,
R. perdoai-nos, Senhor.
Sede-nos propício,
R. atendei-nos, Senhor.

De todo o pecado, livrai-nos, Senhor.
De todas as tentações e ciladas do demônio, livrai-nos, Senhor.

De toda presunção e desesperação, livrai-nos, Senhor.
Do ataque à verdade conhecida, livrai-nos, Senhor.
Da inveja da graça fraterna, livrai-nos, Senhor.
De toda obstinação e impenitência, livrai-nos, Senhor.
De toda negligência e torpor do espírito, livrai-nos, Senhor.
De toda impureza da mente e do corpo, livrai-nos, Senhor.
De todas as heresias e erros, livrai-nos, Senhor.
De todo mau espírito, livrai-nos, Senhor.
Da morte má e eterna, livrai-nos, Senhor.
Pela vossa eterna procedência do Pai e do Filho, livrai-nos, Senhor.
Pela milagrosa conceição do Filho de Deus, livrai-nos, Senhor.
Pela vossa descida sobre Jesus Cristo batizado, livrai-nos, Senhor.
Pela vossa santa aparição na transfiguração do Senhor, livrai-nos, Senhor.
Pela vossa vinda sobre os discípulos do Senhor, livrai-nos, Senhor.
No dia do juízo, livrai-nos, Senhor.

Ainda que pecadores, nós Vos rogamos, ouvi-nos.
Para que nos perdoeis, nós Vos rogamos, ouvi-nos.
Para que Vos digneis vivificar e santificar todos os membros da Igreja, nós Vos rogamos, ouvi-nos.
Para que Vos digneis conceder-nos o dom da verdadeira piedade, devoção e oração, nós Vos rogamos, ouvi-nos.
Para que Vos digneis inspirar-nos sinceros afetos de misericórdia e de caridade, nós Vos rogamos, ouvi-nos.
Para que Vos digneis criar em nós um espírito novo e um coração puro, nós Vos rogamos, ouvi-nos.
Para que Vos digneis conceder-nos verdadeira paz e tranquilidade do coração, nós Vos rogamos, ouvi-nos.
Para que nos façais dignos e fortes para suportar as perseguições pelo amor à justiça, nós Vos rogamos, ouvi-nos.
Para que Vos digneis confirmar-nos em vossa graça, nós Vos rogamos, ouvi-nos.
Para que nos recebais no número dos vossos eleitos, nós Vos rogamos, ouvi-nos.
Para que Vos digneis atender-nos, nós Vos rogamos, ouvi-nos.
Espírito de Deus, nós Vos rogamos, ouvi-nos.

Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo,
R. enviai-nos o Espírito Santo.
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo,
R. mandai-nos o Espírito prometido do Pai.
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo,
R. dai-nos o Espírito bom.

Espírito Santo, ouvi-nos.
Espírito Consolador, atendei-nos.
V. Enviai o vosso Espírito e tudo será criado,
R. e renovareis a face da terra.

Oremos: Ó Deus, que instruístes os corações
dos vossos fiéis, com a luz do Espírito Santo,
concedei-nos que no mesmo Espírito conheçamos o que é reto, e gozemos sempre as suas consolações.
Por Cristo, Nosso Senhor.

Amém.

voltar ao topo
Ave do mar Estrela,
De Deus Mãe bela,
Sempre Virgem, da morada
Celeste feliz entrada.

Ó tu que ouviste da boca
Do anjo a saudação;
Dá-nos paz e quietação;
E o nome de Eva troca.

As prisões aos réus desata.
E a nós cegos alumia;
De tudo que nos maltrata
Nos livra, o bem nos granjeia.

Ostenta que és Mãe, fazendo
Que os rogos do povo seu
Ouça aquele que, nascendo
Por nós, quis ser Filho teu.

Ó Virgem especiosa,
Toda cheia de ternura,
Extintos nossos pecados,
Dá-nos pureza e brandura.

Dá-nos uma vida pura,
Põe-nos em via segura,
Para que a Jesus gozemos,
E sempre nos alegremos.

A Deus Pai veneremos,
A Jesus Cristo também,
E ao Espírito Santo, demos
Aos três um louvor.

Amém

voltar ao topo
“Vós sois, ó Jesus, o Cristo, meu Pai santo, meu Deus misericordioso, meu Rei infinitamente grande; sois meu bom pastor, meu único mestre, meu auxílio cheio de bondade, meu pão vivo, meu sacerdote eterno, meu guia para a pátria, minha verdadeira luz, minha santa doçura, meu reto caminho, sapiência minha preclara, minha pura simplicidade, minha paz e concórdia; sois, enfim, toda a minha salvaguarda, minha herança preciosa, minha eterna salvação...

Ó Jesus Cristo, amável Senhor, por que, em toda a minha vida, amei, por que desejei outra coisa senão vós?

Onde estava eu quando não pensava em vós? Ah! que, pelo menos, a partir deste momento meu coração só deseje a vós e por vós se abrase, Senhor Jesus!

Desejos de minha alma, correi, que já bastante tardastes; apressai-vos para o fim a que aspirais; procurai em verdade aquele procurais. Ó Jesus anátema seja quem não vos ama.

Aquele que não vos ama seja repleto de amarguras. Ó doce Jesus, sede o amor, as delícias, a admiração de todo coração dignamente consagrado à vossa glória. Deus de meu coração e minha partilha, Jesus Cristo, que em vós meu coração desfaleça, e sede vós mesmo a minha vida. Acenda-se em minha alma a brasa ardente de vosso amor e se converta num incêndio todo divino, a arder para sempre no altar de meu coração; que inflame o âmago de minha alma; para que no dia de minha morte eu apareça diante de vós inteiramente consumido em vosso amor...

Amém”.

voltar ao topo
Senhor, tende piedade de nós.
Jesus Cristo, tende piedade de nós.
R. Senhor, tende piedade de nós.

Jesus Cristo, ouvi-nos.
Jesus Cristo, atendei-nos.
Deus Pai dos Céus, tende piedade de nós.
Deus Filho, Redentor do mundo, tende piedade de nós.
Deus Espírito Santo, tende piedade de nós.
Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós.
Jesus, Filho de Deus vivo, tende piedade de nós.
Jesus, esplendor do Pai, tende piedade de nós.
Jesus, pureza da luz eterna, tende piedade de nós.
Jesus, Rei da glória, tende piedade de nós.
Jesus, sol de justiça, tende piedade de nós.
Jesus, Filho da Virgem Maria, tende piedade de nós.
Jesus amável, tende piedade de nós.
Jesus admirável, tende piedade de nós.
Jesus, Deus forte, tende piedade de nós.
Jesus, Pai do futuro século, tende piedade de nós.
Jesus, Anjo do grande conselho, tende piedade de nós.
Jesus poderosíssimo, tende piedade de nós.
Jesus pacientíssimo, tende piedade de nós.
Jesus obedientíssimo, tende piedade de nós.
Jesus, manso e humilde de coração, tende piedade de nós.
Jesus, que amais a castidade, tende piedade de nós.
Jesus, que nos amais, tende piedade de nós.
Jesus, Deus da paz, tende piedade de nós.
Jesus, autor da vida, tende piedade de nós.
Jesus, modelo das virtudes, tende piedade de nós.
Jesus, zelador das almas, tende piedade de nós.
Jesus, nosso Deus, tende piedade de nós.
Jesus, nosso refúgio, tende piedade de nós.
Jesus, Pai dos pobres, tende piedade de nós.
Jesus, tesouro dos fiéis, tende piedade de nós.
Jesus, bom Pastor, tende piedade de nós.
Jesus, luz verdadeira, tende piedade de nós.
Jesus, sabedoria eterna, tende piedade de nós.
Jesus, bondade infinita, tende piedade de nós.
Jesus, nosso caminho e nossa vida, tende piedade de nós.
Jesus, alegria dos Anjos, tende piedade de nós.
Jesus, Rei dos Patriarcas, tende piedade de nós.
Jesus, Mestre dos Apóstolos, tende piedade de nós.
Jesus, Doutor dos Evangelistas, tende piedade de nós.
Jesus, fortaleza dos Mártires, tende piedade de nós.
Jesus, luz dos Confessores, tende piedade de nós.
Jesus, pureza das Virgens, tende piedade de nós.
Jesus, coroa de todos os Santos, tende piedade de nós.
Sede-nos propício, perdoai-nos, Jesus.
Sede-nos propício, ouvi-nos, Jesus.
De todo mal, livrai-nos, Jesus.
De todo pecado, livrai-nos, Jesus.
De vossa ira, livrai-nos, Jesus.
Das ciladas do demônio, livrai-nos, Jesus.
Do espírito da impureza, livrai-nos, Jesus.
Da morte eterna, livrai-nos, Jesus.
Do desprezo das vossas inspirações, livrai-nos, Jesus.
Pelo mistério da vossa santa encarnação, livrai-nos, Jesus.
Pela vossa natividade, livrai-nos, Jesus.
Pela vossa infância, livrai-nos, Jesus.
Pela vossa santíssima vida, livrai-nos, Jesus.
Pelos vossos trabalhos, livrai-nos, Jesus.
Pela vossa agonia e paixão, livrai-nos, Jesus.
Pela vossa cruz e desamparo, livrai-nos, Jesus.
Pelas vossas angústias, livrai-nos, Jesus.
Pela vossa morte e sepultura, livrai-nos, Jesus.
Pela vossa ressurreição, livrai-nos, Jesus.
Pela vossa ascensão, livrai-nos, Jesus.
Pela vossa instituição da Santíssima Eucaristia, livrai-nos, Jesus.
Pelas vossas alegrias, livrai-nos, Jesus.
Pela vossa glória, livrai-nos, Jesus.


Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, R. perdoai-nos, Jesus.

Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, R. atendei-nos, Jesus.

Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, R. tende piedade de nós, Jesus.

Jesus, ouvi-nos.
Jesus, atendei-nos.

Oremos: Senhor Jesus Cristo, que dissestes: Pedi e recebereis; buscai e achareis; batei e abrir-se-vos-á, nós Vos suplicamos que concedais a nós, que Vo-lo pedimos, os sentimentos afetivos de vosso divino amor, a fim de que Vos amemos de todo o coração, boca e obras, e nunca cessemos de Vos louvar.

Permiti que tenhamos sempre, Senhor, um igual temor e amor pelo vosso santo Nome; pois não deixais de governar aqueles que estabeleceis na firmeza do vosso amor. Vós que viveis e reinais pelos séculos dos séculos.

Amém.

voltar ao topo
Para a aula de hoje leia os pontos do Tratado (266-273) clicando aqui. Ou no texto abaixo.

Modo de praticar esta devoção na santa comunhão I

Antes da comunhão

266. 1º Humilhar-vos-eis profundamente diante de Deus. 2º Renunciareis a vosso íntimo corrompido e a vossas disposições, ainda que vosso amor-próprio vo-las faça parecer boas. 3º Renovareis vossa consagração, dizendo: “Tuus totus ego sum, et omnia mea sunt: Sou todo vosso, minha querida Senhora, com tudo que tenho105 4º Suplicareis a esta boa Mãe que vos empreste seu coração, para, com as mesmas disposições, receberdes seu Filho. Fareis ver a ela, que importa à glória de seu Filho não ser introduzido num coração tão manchado como o vosso, e tão inconstante, que havia de tirar-lhe a glória ou perdê-la; se ela, entretanto, quiser habitar em vós para receber seu Filho, pode-o facilmente, em vista do domínio que tem sobre os corações; e, por ela, seu Filho será bem recebido, sem mancha, e sem perigo de ser ultrajado: “Deus in medio eius non commovebitur” (Sl 45, 6). Dir-lheeis confidentemente que tudo que lhe tendes dado de vossos bens é pouco para honrá-la, mas pela santa comunhão, lhe dareis o mesmo presente que o Pai eterno lhe deu, presente que mais há de honrá-la, que se lhe désseis todos os bens do mundo; e que, enfim, Jesus deseja ainda ter nela suas complacências e seu repouso, seja, embora, em vossa alma, mais suja e pobre do que o estábulo, ao qual Jesus não opôs dificuldades em descer, pois que ela lá estava. Com as seguintes e ternas palavras lhe pedireis seu coração: “Accipio te in mea omnia. Praebe mihi cor tuum, o Maria!”.

II
Durante a comunhão

267. Prestes a receber Nosso Senhor Jesus Cristo, dir-lhe-eis três vezes, depois do “Pater”: “Domine, non sum dignus...” etc., como se dissésseis, pela primeira vez, ao Pai eterno que, devido a vossos maus pensamentos e ingratidões para com ele, não sois digno de receber seu único Filho. Eis, porém, Maria, sua serva: “Ecce ancilla Domini”, que tudo faz por vós, e que vos dá uma confiança e esperança especiais, junto de sua Majestade: “Quoniam singulariter in spe constituisti me” (Sl 4, 10).

268. Direis ao Filho: “Domine, non sum dignus...” etc., que não sois digno de recebê-lo, por causa de vossas palavras inúteis e más, e vossa infidelidade em seu serviço; vós lhe rogais, entretanto, que tenha piedade de vós, pois que ides introduzi-lo na morada de sua própria Mãe e vossa, e que não o deixareis partir, sem que ele venha aí alojar-se: “Tenui eum, nec dimitttam, donec introducam illum in domum matris meae, et in cubiculum genitricis meae” (Ct 3, 4). Implorar-lhe-eis que se levante e venha para o lugar de seu repouso e para a arca de sua santificação: “Surge, Domine, in requiem tuum, tu et arca sanctificationis tuae” (Sl 131, 8). Dir-lhe-eis que, de modo algum, depositais vossa confiança em vossos méritos, vossa força e vossas preparações, como Esaú, e sim nos de Maria, vossa querida Mãe, a exemplo do pequeno Jacob nos desvelos de Rebeca; que, pecador e Esaú que sois, ousais aproximar-se de sua santidade, ornado e apoiado pelas virtudes de sua Mãe Santíssima.

269. Direis ao Espírito Santo: “Domine, non sum dignus...” etc., que não sois digno de receber a obra-prima de sua caridade, em vista da tibieza e iniqüidade de vossas ações e de vossas resistências a suas inspirações. Mas toda a vossa confiança é Maria, sua fiel Esposa. E direis com São Bernardo: “Haec mea maxima fiducia est; haec tota ratio spei meae”.107 Podeis mesmo pedir-lhe que desça ainda a Maria, sua Esposa inseparável; pois seu seio é tão puro e seu coração tão abrasado como sempre, e que se ele não descer à vossa alma, Jesus e Maria não serão aí formados, nem dignamente alojados. 107) “De Aquaeductu”, n. 7.

III
Depois da santa comunhão

270. Inteiramente recolhido, os olhos fechados, depois da santa comunhão, introduzireis Jesus Cristo no coração de Maria. A sua Mãe o dareis, e ela o receberá amorosamente, colocá-lo-á em lugar de honra, adorá-lo-á profundamente, amá-lo-á perfeitamente, abraçálo- á estreitamente, e, em espírito e verdade, lhe prestará honras que nós, cercados de espessas trevas, desconhecemos.

271. Ou, então, jazei profundamente humilhado, na presença de Jesus residindo em Maria; ou permanecei como um escravo à porta do palácio real, onde o Rei se entretém com a Rainha; e, enquanto eles conversam sem necessidade de vossa presença, ide em espírito ao céu e a toda a terra rogar às criaturas que em vosso lugar agradeçam, adorem e amem a Jesus e Maria: “Venite, adoremus, venite!” (Sl 94, 6).

272. Ou, ainda, pedi a Jesus, em união com Maria, que, por meio dela venha à terra o seu reino, ou a divina sabedoria, ou o amor divino, ou o perdão de vossos pecados, ou qualquer outra graça, mas sempre por Maria e em Maria. E, considerando-vos a vós mesmo, dizei: “Ne respicias, Domine, peccata mea – Senhor, não olheis os meus pecados”108, “sed oculi tui videant aequitates Mariae”109: mas que vossos olhos só vejam em mim as virtudes e graças de Maria. E, lembrando-vos de vossos pecados, acrescentareis: “Inimicus homo hoc fecit” (Mt 13, 28): Eu, que sou o meu maior inimigo, cometi esses pecados; ou, então: “Ab homine iniquo et doloso erue me” (Sl 42, 1), ou “Te oportet crescere, me autem minui” (cf. Jo 3, 30): Meu Jesus, é preciso que cresçais em minha alma e que eu diminua. Maria, é preciso que cresçais em mim e que eu seja menos do que tenho sido. “Crescite et multiplicamini” (Gn 1, 22): “Ó Jesus e Maria, crescei em mim e multiplicai-vos fora, nos outros.

273. São infinidade os pensamentos que o Espírito Santo fornece, e vos fornecerá se fordes bastante interior, mortificado e fiel a esta grande e sublime devoção, que acabo de ensinarvos. Lembrai-vos que, quanto mais deixardes Maria agir em vossa comunhão, mais será Jesus glorificado; e tanto mais deixareis agir Maria para Jesus, e Jesus em Maria, quanto mais profundamente vos humilhardes, e, então, os ouvireis em paz e silêncio, sem vos afligirdes para ver, degustar, nem sentir, pois, em toda parte, o justo vive da fé, e especialmente na santa comunhão que é um ato de fé: “Iustus meus ex fide vivit” (Hb 10, 38).

voltar ao topo

Aulas do curso